Divulgação

Seduc contrata serviço de transporte escolar
para 800 alunos por 180 dias e mais de R$ 1,8 milhão

Dia 18 de setembro, de 2021, 18 horas

A Secretaria de Educação do Estado fechou contrato – com dispensa de licitação – de prestação de serviços com a empresa Soeiro Rabelo & Cia. Ltda – a Transrabelo -, para fazer o transporte de alunos matriculados na rede pública estadual no município de Vigia de Nazaré, região nordeste do Pará, pelo valor de R$ 1.859.404,80 e prazo de 180 dias. A comunidade escolar na região conta pouco mais de 800 alunos na zona rural, onde está concentrado o público-alvo do contrato. Assim, a Transrabelo irá embolsar R$ 10 mil por dia trabalhado, ou cerca de R$ 12 por aluno transportado.

Projeto muda regra
para indicação ao STF

Definitivamente, fechar o STF, como querem alguns aloprados, não é digno de um país democrático, mas o projeto de lei que tramita no Congresso alterando as regras para escolha dos magistrados tem o apoio da maioria da população brasileira. A tarefa caberia aos ministros do Tribunal de Contas da União, Procuradoria-Geral da República e Ordem dos Advogados do Brasil, que elaborariam  uma lista tríplice de nomes conceituados e ilibados, além de  idoneidade moral reconhecida,  para o presidente da República proferir a decisão final. Pelo projeto o cargo de magistrado só seria ocupado por dez anos.

Cinco condenados por
desvios de cartões

A Justiça Federal condenou cinco carteiros dos Correios e um ex-servidor da Polícia Civil do Pará denunciados por participação em esquema fraudulento que desviou 700 cartões magnéticos de débito e crédito, causando prejuízos superiores a R$ 3,5 milhões a clientes de várias instituições bancárias. As fraudes foram descobertas em junho de 2013, quando a Polícia Civil desfechou a Operação “Card Free”, que prendeu 21 pessoas, entre elas os cinco réus agora condenados em sentença do juiz federal Rubens Rollo D’Oliveira.

Deixe o seu comentário