Divulgação

Índices de incerteza do TC Matrix
disparam com cena política conturbada

Os índices de incerteza desenvolvidos pelos times do TC Labs e TC Matrix dispararam em agosto em relação a julho, na esteira de ruídos políticos e riscos fiscais acelerantes. A incerteza atual medida pelos modelos do TC Matrix subiu 16,57% em relação ao último dia de julho. O resultado alerta o investidor para uma maior insegurança econômica e, consequentemente, um cenário mais volátil para a sua carteira de investimentos. Já o índice Incerteza TC Expectativa, que mede as perspectivas futuras, avança 16,61% em relação ao mês anterior.

Após dias conturbados para a política no Brasil, com o debate sobre precatórios e Reforma do Imposto de Renda  dominando a pauta fiscal, é comum observar o disparo dos índices de incerteza. “Dentre os fatores, pode-se verificar uma maior volatilidade no câmbio, assim como o cenário fiscal, que aumentam o risco no médio e longo prazo”, diz Fernanda Mansano, economista-chefe do TC Matrix.

Acompanhar bons índices que traduzem a economia do País pode fazer a diferença para o investidor para uma boa tomada de decisão, sugerem contribuidores do Matrix. O TC Matrix, além de utilizar variáveis macroeconômicas amplamente conhecidas, também agrega variáveis pouco usuais que fazem a diferença para o resultado do indicador.

Segundo o diretor da TC School, Felipe Pontes, “o índice de incerteza desenvolvido pelo Matrix conseguiu prever a crise de 2020 com meses de antecedência”. Ele alerta investidores a ficarem atentos ao cenário político, assim como, nos indicadores de incerteza como o do TC Matrix, para que possa tomar as melhores decisões no mercado. “O indicador de varejo já apontava uma insegurança no mercado em julho de 2019, e em dezembro do mesmo ano disparou”.

Traders que falaram com a Mover ainda destacaram que os prêmios dos juros futuros, conhecidos como DIs futuros, também avançaram de forma pronunciada nos últimos dias. As taxas dos contratos com vencimentos mais longos mantêm-se acima dos níveis máximos atingidos em 2020. Esses operadores ainda destacaram o fluxo comprador de estrangeiros nestes contratos. Isto indica que as expectativas são de um cenário econômico desfavorável.

Deixe o seu comentário