Fake news

Divulgação

Jatene não vai disputar Senado. Blog
de aluguel burlou até Roma News.

O publicitário Orly Bezerra veio a público ontem negar informações publicadas em um blog dito “famoso” por veicular informações falsas de maneira recorrente e supostamente favoráveis aos interesses do grupo político comandado pelo governador Helder Barbalho. A informação, que começou a circular na tarde de ontem, inclusive no Portal Roma News, aponta que o ex-governador Simão Jatene e o ex-senador Flexa Ribeiro haviam definido as candidaturas de Jatene, ao Senado, e de Flexa Ribeiro, ao governo do Estado. Segundo Orly Bezerra, “a narrativa plantada no ‘blog de aluguel’ é um emaranhado de balelas sem pé e nem cabeça, exalando o odor do que há de pior na comunicação e na política do Pará: o despreparo e o escárnio usados como armas daqueles que fazem da busca e da manutenção do poder um mar de lama e mentiras sem nexo, servindo apenas para alienar e confundir a opinião pública”. A manifestação de Orly Bezerra foi publicada de antemão por Diógenes Brandão. Veja trechos:

 “A mais nova fake news plantada em um blog paraense  famoso por trazer à tona esse tipo de notícia falsa acabou influenciando até mesmo o Portal Roam News, veículo de comunicação comandado por Rômulo Maiorona Jr  e seu filho, Giovanni Maiorana. A notícia falsa começou a circular na tarde deste sábado, 28, e só no fim da noite foi desmentida por nada mais, nada mesmo do que o principal “marketeiro” do PSDB: Oly Bezerra, em um grupo de jornalistas e profissionais do marketing político eleitoral.

Além de inventar que Jatene seria candidato ao Senado e Flexa, ao governo do Estado, a narrativa criada pela fake news entra em contradição ao afirmar que o ex-prefeito de Ananindeua Manoel Pioneiro já teria sido escolhido como candidato ao Senado, o que é impossível para qualquer partido, ter dois candidatos à mesma vaga em uma eleição majoritária, sobretudo quando só há uma vaga de senador nesta disputa eleitoral de 2022.

Já é de conhecimento da classe política e da opinião pública paraense, que o blog que publicou a fake news, quando não está servindo para espalhar mentiras ou calúnias está bajulando políticos aliados e seus patrocinadores. A suspeita de diversos jornalistas profissionais é que o chefe da redação de um portal de notícias, de um jornal paraense, seja o autor dos textos assinados pelo ‘blogueiro de aluguel’’’.

Deixe o seu comentário