Produção no campo neste
ano é estimada em R$ 1 tri

A Secretaria de Comunicação da Presidência da República aponta que o Valor Bruto da Produção Agropecuária neste ano está estimado em R$ 1,002 trilhão, acréscimo de 11,8% em relação a 2020. As lavouras projetam R$ 688,4 bilhões e a pecuária, R$ 314,5 bilhões. O acréscimo em relação a 2020 é de 15,2% nas lavouras e 5,1% na pecuária. O balanço mostra a evolução desses setores ao longo do ano e corresponde ao faturamento bruto dentro do estabelecimento, calculado com base na produção das respectivas safras.

O trem passou

E o Pará segue acumulando perdas. O ministro Tarcísio Freitas publicou em seu twitter que os R$ 42 bilhões arrecadados com o leilão de 3 mil kms de rodovias no Paraná serão integralmente investidos no Estado do… Paraná. Como se sabe, os bilhões que a União arrecadou com a recente renovação da concessão da Ferrovia de Carajás serão aplicados na construção da Ferrovia de integração do Centro-Oeste, ligando Mato Grosso a Goiás, quando deveriam ser aplicados na construção da Ferrovia Paraense, ou mesmo extensão da Ferrovia-Norte Sul, de Açailândia a Barcarena. Dois pesos, duas medidas.

Divulgação

Em casa

Remo na Série B e o Paysandu na Série C terão mesmo que mandar jogos em seus acanhados estádios, até porque não haverá público, enquanto a pandemia não estiver totalmente controlada. Enquanto isso, o Mangueirão estará em reforma e ampliação, para completar o anel das arquibancadas e ampliar sua capacidade para 55 mil torcedores, com mais banheiros, nova rampa de acessos e cabines para a imprensa, além de espaço Vip. 

Promessa vã

Quanto mais a mulher se firma no mercado de trabalho e busca sua independência, inclusive para escolher o parceiro de jornada, mais ela sofre represália do cônjuge, seja por ameaças, espancamento ou atentado à vida. E essa prática não escolhe camada social, segundo atestam pesquisa sobre violência contra a mulher. Leis e a ampliação de delegacias de mulheres pouco têm servido para aplacar a ira dos machões, que juram amor eterno, desde que tenham a parceira sob rédea curta.

Doação de bens

Dados do Colégio Notarial do Brasil apontam que nunca, nos últimos dez anos, tantas pessoas procuraram o aconselhamento de um tabelião em um segundo semestre para a realização de testamentos, inventários, partilhas e doação de bens.  Mais de 185 mil atos de transferência de bens foram realizados nos últimos seis meses de 2020, 11 mil a mais do que o mesmo período de 2019. O aumento de 6% na prática destes atos observado no último ano foi ainda três pontos percentuais acima da média nacional dos últimos anos.

Pará de fora

Nos Estados e no Distrito Federal a alta na procura pelos atos de transferência de bens no segundo semestre de 2020 em relação a 2019 foi verificada com destaque no Amapá (75%), Rondônia (23%), Maranhão (21%), Paraná (16%), Distrito Federal (15%), Mato Grosso do Sul (15%), São Paulo (13%), Roraima (9%) e Mato Grosso (9%), apesar das restrições de locomoção impostas pela pandemia. O Estado do Pará não aparece na tabela.

Lixo do bem

A Guamá Tratamento de Resíduos, que administra o Aterro de Marituba, esclarece que não tem ingerência sobre a gestão pública de resíduos e diz que incentiva a reciclagem através de campanhas e parceria com a Prefeitura de Marituba. Para tanto, instalou galpão de 600 m² para o recebimento de recicláveis oriundos da coleta seletiva, que é conduzido por uma cooperativa de Marituba, gerando renda para os profissionais que trabalham nesta área.

Projeto Círio

Outra iniciativa de fomento à coleta seletiva conduzida pela empresa foi o projeto Círio Sustentável, em 2019, por meio do qual a empresa mobilizou cerca de 80 voluntários de diversos segmentos em uma ampla ação de educação ambiental que contribuiu para arrecadar duas toneladas de resíduos recicláveis durante as procissões da Trasladação e Círio de Nazaré, todas destinadas às cooperativas que participaram do projeto.

Conta de luz

Enfim, depois de cinco anos, a Câmara Federal desengavetou o projeto do novo marco regulatório do setor elétrico, considerado uma das 35 prioridades do governo para este ano.  Detalhe: segundo especialistas, a proposta abre caminho para a expansão do mercado livre de energia e, mais importante, permite a portabilidade da conta de luz entre as distribuidoras, o que, em tese, poderia trazer vantagens para o consumidor, como a redução na tarifa. Atualmente, a migração beneficia apenas grandes consumidores. 

Vai para Marte 

A cantora pop canadense Grimes, nascida Claire Boucher, 32 anos, revelou em vídeo que pretende se mudar para o planeta Marte, mesmo que isso requeira trabalhos manuais para sobreviver até o final da vida. Nada chamaria a atenção não fosse ela mulher do bilionário Elon Musk, um dos maiores investidores privados em tecnologia aeroespacial do mundo e dono da SpaceX.

Se…

Até agora, Musk não confirmou se vai realizar o sonho da amada – a viagem só de ida ao Planeta Vermelho – ou se vai ou não junto com ela, deixando na terra uma fortuna capaz de realizar o sonho de qualquer herdeiro até a vigésima geração sem precisar de “trabalhos manuais”. Não será novidade se, como homem que é o bilionário alegar excesso de trabalho para continuar com os pés no chão da terra.

Também vou 

Há setenta anos, o jovem roqueiro Tony Campelo gravou “Marcianita”, causando frenesi nas pistas de dança de todo o País, onde cantava que “nos anos 70 felizes seremos nós dois” – ele e a amada marciana. Tony pode ter errado na data, mas, a última nave espacial da Nasa a pousar em Marte, semana passada, levou um cientista brasileiro que trabalha na Agência a anunciar que se o homem tiver que se mudar para outro planeta, este certamente será Marte. Quanto a encontrar marcianos e marcianitas, bem…

  • O Supremo Tribunal Federal autorizou Estados e municípios a adquirirem vacinas contra a Covid-19, sejam lá quais forem os laboratórios, fabricantes ou o que os valha.
  • E pensar que muitos gestores não sabem sequer comprar merenda escolar. Enfim, tudo o que já se viu nesta pandemia será um dos maiores… deixa pra lá…
  • O governo do Pará anuncia a aquisição de 3 milhões de doses de vacinas para ampliar o combate à pandemia na população do Estado.
  •  Alega que o Pará foi o Estado que recebeu, proporcionalmente, o menor número de imunizantes encaminhado pelo Ministério da Saúde no País.
  • Fake news ou não, o presidente JB aparece nas redes sociais cobrando que o governo do Pará, teria sido um dos Estados mais bem aquinhoados com recursos para o combate à pandemia. 
  • Alguém duvida do destino político do deputado federal Eder Mauro? A pipa do dele depende do vento que sobrar de Brasília. Simples assim. O resto é marola.
  • Convém à prefeita de Marituba, empresária nordestina Patrícia Mendes, tirar os saltos do asfalto e experimentar os atalhos do município. Faria muito bem à gestão.
  • Que a empresária queira vender produtos a R$ 1,99, tudo bem; mas ignorar que as vias interiores da cidade não recebem um centavo de investimento, tenha santa paciência.
  • O Censo Escolar chega à segunda etapa, com a coleta de dados iniciada em 22 de fevereiro e prazo de encerramento para 7 de abril.
  • O levantamento depende principalmente das respostas de cada unidade escolar e das ações de formação e esclarecimento que a Seduc realiza com os gestores.
  • Nesta nova fase, as escolas devem declarar as informações sobre aprovado-reprovado e transferido-falecido-deixou de frequentar, informados na primeira etapa do Censo.
  • A PA-287, no curso de 100 km, entre Conceição do Araguaia e Redenção, nunca, jamais em tempo algum esteve tão destruída pela força do inverno e pela omissão do Estado.
  • O Grupo Prosegur anuncia a abertura de 682 novas vagas de emprego nas cinco regiões do País.
  • As oportunidades são para as áreas de vigilância patrimonial, vigilante de carro-forte, porteiro, auxiliar de gestão de numerário, técnico eletrônico, caixa, médico do trabalho, técnico de segurança do trabalho, recepcionista e controlador de acesso.
  • Boa opção na programação esportiva na TV. Os apresentadores Henrique Bezerra e Ana Luiza Cristo levantam a bola para avaliações de Pio Netto e Hamilton Gualberto, especialistas com larga experiência na comunicação  esportiva. Na Rede TV.
  • Copa Verde: qualquer semelhança com cavalo paraguaio não é mera coincidência. Remo cai diante do Brasiliense dentro de casa por pura incompetência.
  • Ossos do ofício? Assessorias de imprensa no Pará estão sendo esmagadas pelo silêncio superior. Em terra de muro baixo, transparência ou a falta dela é apenas um assessório.
  • In memoriam de Roberto Jares, Euclides Bandeira, Cláudio Sá Leal, Carlos Gomes Lopes, Romulo Maiorana, Walmir Botelho e tantos outros aqui injustiçados pelo esquecimento.
  • Fiquem em paz, pois que, aqui, ninguém nos acompanha…

Deixe o seu comentário