Cunhada do prefeito de
São Miguel do Guamá
é diretora do Igeprev

Divulgação

Segunda-feira, 31 de maio de 2021

O presidente do Igeprev, Giussep Mendes, conhecido por usar influências políticas para obter contratos com prefeituras que favorecem o escritório de advocacia Mendes e Mendes, do qual é sócio – casos da prefeitura e da Câmara de Vereadores São Miguel do Guamá e da Prefeitura de Marituba, ambos denunciados pelo Ministério Público – mantém como diretora de Previdência do Igeprev ninguém mais do que Camila Bussarelo. Nada contra a moça. O detalhe é que Camila (foto, à direita) é casada justamente com o irmão do prefeito de São Miguel do Guamá, Pio X. Basta ligar as pontas.

Divulgação

Favores da lei

Na Uepa, se a obediência às leis é prejudicial aos interesses da Reitoria, mudem-se as leis. A regra foi claramente exposta na última sexta pela equipe do reitor Rubens Cardoso, ao mudar resolução do Consun para que seu vice-reitor possa compor a lista tríplice que será submetida à caneta do governador Helder Barbalho, provavelmente nesta segunda-feira. Legalmente, o vice Clay Chagas, mas votado na última eleição, não poderá exercer o cargo em dedicação exclusiva, já que acumula funções também na UFPA.

Velho jeitinho

O infame “jeitinho” brasileiro aplicado nas regras do jogo não só rasga o regimento da Universidade, escrito há quase três décadas, como conflita com o Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos, além de representar uma afronta ao parecer da Procuradoria-Geral do Estado emitido em resposta à consulta do próprio Conselho Universitário da Uepa três meses atrás.

Rigores da lei

Também chama atenção nesse episódio o fato de que diversos professores da Uepa abdicaram de outros vínculos para exercer dedicação exclusiva na universidade, obrigatoriedade que essa vergonhosa e oportunista mudança nas resoluções internas perpetradas pela atual Reitoria desfaz descaradamente, deixando muitos de seus colegas em prejuízo e com cara de bobo.

Para inglês ver

Não passou de propaganda, mas ainda assim deixou muita gente animada, o anúncio do governador Helder Barbalho, feito com pompa e circunstância, sobre o envio de projeto de lei à Assembleia Legislativa propondo melhorar a estrutura do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves. Sabe-se agora que as mudanças ficaram restritas à alteração no nome do órgão para Polícia Científica e do Instituto de Criminalística, agora chamados Iram Bezerra e do IML, que passa a ser IMOL Renato Chaves. Os salários continuam entre os piores do País e não foi criada nenhuma regional.

Pau oco

Além de tudo, pelo que se diz, o governo Helder Barbalho opera milhares. Só pode: teria enxugado as contas públicas a tal ponto que os gastos com pessoal desabaram de R$ 9,633 bilhões para R$ 9,333 em doze meses, botando no chinelo a administração anterior e fazendo do Estado o segundo com o melhor desempenho do País. Nessa batida, deve estar sobrando dinheiro para investimentos, para pagamento do piso salarial para os professores e aumento de salários para os servidores públicos. Que maravilha!

Uso sem abuso

Usado no alívio de dores e febre, o paracetamol, ingerido após a vacinação contra a Covid-19, pode induzir gravíssimos problemas, hepatite medicamentosa e morte, inclusive, segundo alerta a Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Segundo a Agência, esse medicamento deve ser usado com cautela, observada a dose máxima diária e o intervalo entre as doses, conforme as recomendações contidas na bula, para cada faixa etária.

Trabalho duro

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação aponta que este ano 40,82% do salário do trabalhador vão para o pagamento de impostos estaduais, federais e municipais. Para fazer frente às cobranças de diversos impostos, a população teria que trabalhar até o dia 29 de maio, ou seja, 149 dias no ano de 2021. O impacto é grande no bolso do contribuinte e representa 40,82% do rendimento médio.

Energia solar

O projeto de lei do deputado Eduardo Bismarck prevê a concessão de incentivos a servidores públicos civis e militares – incluindo ativos, inativos e pensionistas – para a aquisição de sistemas de energia solar e outros equipamentos de micro e minigeração distribuída. A proposta permite que os incentivos sejam concedidos por meio de financiamento, com as prestações descontadas diretamente da folha salarial, respeitados os limites de consignação previstos em lei.

Belo Monte

Com as discussões sobre o uso de fontes renováveis de energia para abastecer grandes centros urbanos sem comprometer o meio ambiente, potencializadas pelo Dia Mundial da Energia, no último sábado, a Hidrelétrica Belo Monte tem dado sua contribuição para matriz energética mais limpa. Neste semestre, Belo Monte gerou 11.416 gigawatts-hora de energia renovável, suficiente para abastecer, por exemplo, todo o Estado de São Paulo por 28 dias, ou todo o Sistema Interligado Nacional por aproximadamente uma semana.

Corre nas redes sociais a informação de que um professor de Direito de São Paulo articula para levar para a capital paulista a biblioteca do falecido jurista paraense Zeno Veloso.

Em meio aos temores pela iminente perda do acervo de uma das mais ilustres figuras da área jurídica do Estado e do País, há que se dizer o seguinte: esse era um desejo de Zeno Veloso.

O Congresso Nacional Digital da OAB Nacional e da Escola Superior de Advocacia entrou para o Livro dos Recordes como o maior congresso virtual da área jurídica em uma semana.

Divulgação

Ocorrida em Brasília, a cerimônia oficial de reconhecimento e entrega do prêmio contou com a participação da diretora-geral da Escola Superior de Advocacia da OAB-PA, Luciana Gluck Paul (foto), única advogada brasileira integrante da coordenação executiva do histórico evento.

O Pará irá receber investimentos para reforço de sua rede por conta de um ambicioso projeto da TIM batizado de SkyCoverage.

Serão instaladas novas antenas para levar cobertura 4G a locais mais isolados, como distritos, vilas, estradas, resorts e pontos turísticos que hoje não são atendidos por nenhuma operadora.

A ideia é cobrir 100% dos municípios brasileiros com a tecnologia de quarta geração até 2023.

        
O sócio sênior do BTG Pactual, André Esteves, vê a eleição presidencial decidida ao centro, “não necessariamente por um candidato de centro”. Por isso, acredita na moderação das agendas do presidente Jair Bolsonaro e do petista Lula da Silva.

Emenda em fase de coleta de assinaturas busca poupar os policiais de alguns dos efeitos mais severos da proposta da reforma administrativa. O presidente da Câmara, Arthur Lira, tem cobrado empenho do governo para a matéria ser aprovada.

Lira tem dito a aliados que tem votos para que a reforma passe na Casa, mas, para isso, não pode ter o presidente Bolsonaro jogando contra a medida.

A MP da Eletrobrás não deve tramitar por comissão no Senado. O governo tenta evitar mudanças e aprová-la até 11 de junho.

 O Congresso convocou sessão para esta terça-feira que vem para votar os três projetos de recomposição da peça orçamentária para 2021.

Deixe o seu comentário