Câmara aprova projeto que poupa

clubes de futebol na pandemia

A Câmara dos Deputados aprovou projeto do deputado paraense Hélio Leite que suspende, nestes tempos de pandemia, os pagamentos das parcelas devidas pelos clubes ao Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol. O texto segue vai à sanção presidencial. Para Hélio Leite, a medida permitirá aos clubes honrar pagamentos de funcionários e outras despesas. Em 2015, quando o programa foi renegociado com a Receita, a dívida estimada dos grandes clubes passava de R$ 5 bilhões.

Negócio escuso

O clima promete ferver nas próximas horas nos corredores da Associação dos Servidores da Sucam, a Assupa, situada à avenida Augusto Montenegro, em Belém. Depois que o presidente Jânio Matos autorizou a Imobiliária PG a vender o imóvel por R$ 5,2 milhões, embora o Estatuto da entidade vede essa possibilidade, um grupo de associados recorreu às esferas policial e Judiciária para impedir o negócio. O que se diz é que o barulho vai ser feroz. Extinta, a Sucam era a Superintendência de Campanhas de Saúde Pública.

Liderança aberta

A dança das cadeiras em posições estratégicas na Assembleia Legislativa terá sequência a partir de fevereiro, da primeira semana ao dia 10. E um dos postos mais cobiçados é o de líder do governo, para o qual ainda não há sequer nome cogitado. No momento, especulam-se nomes como Eraldo Pimenta (foto) e Ozório Juvenil, que têm características diversas um do outro. O primeiro é do tipo “fã-clube de carteirinha” do governador Helder Barbalho, enquanto o outro é reconhecido pela experiência, discurso e articulação.

Divulgação

Quem postula

Questionado pela coluna, Ozório Juvenil não confirma nem negou interesse particular no cargo, atribuindo a decisão ao governador. Martinho Carmona, lembrado aqui e acolá teria que driblar principalmente o temor, já confessado, de estar presente em plenário em razão do risco de infecção pela pandemia. Wanderlan Quaresma também fecha o quarteto postulante do MDB, mas como fona. A função de líder do governo exige jogo de cintura.

Lista tríplice

Nesta semana, o Tribunal Superior Eleitoral encaminhou ao Ministério da Justiça e Segurança Pública a lista tríplice com o nome dos indicados para ocupar o cargo de juiz efetivo da classe jurista do Tribunal Regional Eleitoral do Pará.  O advogado Filipe Coutinho da Silveira, referência em Direito Criminal, encabeça a lista tríplice. Também foram indicados ao cargo os nomes de Carlos Jehá Kayath e Diogo Seixas Conduru. Agora, cabe ao Presidente da República escolher um dos três indicados pelo TSE na lista tríplice.

Perdas e danos

Pequenos comerciantes de Salinópolis, na Costa Atlântica do Pará, contam as perdas antes da virada do ano. Cada família de turista que visita a cidade gasta  uma grana alta em um final de semana com hotel, restaurante, supermercado, lojas e até locação de veículos. Quem perde são pequenos comerciantes, pescadores, vendedores e garçons. O réveillon deste ano, suspenso pela Justiça, será um duro golpe. Centenas de turistas vão à cidade apenas para participar desse evento.

Ouvidos moucos

Quem visitou Salinópolis nos últimos finais de semana se queixa de que moradores locais têm se reunido na área do Laguinho para uma competição de som que se inicia por volta das 2 horas e se estende até seis da manhã. Um horror. No domingo, a competição começa às 22 horas. Duas “carretinhas” sonoras, com músicas de péssima qualidade, mas com muitos decibéis tiram o sossego geral. A Polícia sabe, mas não faz nada para acabar a farra.

Mau gosto

Já virou piada de mau gosto o anúncio de “revisão” e “previsão” do pagamento do novo mínimo no País pelo governo federal. A cada nova divulgação, nova decepção. Convém lembrar que, de acordo com estudos do Dieese em todo o Brasil, cerca de 48 milhões de trabalhadores recebem mensalmente até um salário mínimo como remuneração máxima. Portanto, a cada novo anúncio, o impacto certamente vai muito além de gastos e passa sensivelmente pelo principal rendimento de milhões de famílias.

Ponta do lápis

No Pará, segundo o estudo, cerca de 50% da população ocupada, 1,2 milhões de trabalhadores, tem como remuneração máxima o salário mínimo, sem esquecer que o Estado figura com um dos custos de vida mais altos do País, principalmente no campo da alimentação, onde o trabalhador gasta quase e metade dos atuais R$ 1.045,00 somente para adquirir a cesta básica, sobrando muito pouco para gastos saúde, educação e outros.

Compra-se

A pandemia de Covid-19 fez crescer exponencialmente a procura por terrenos em loteamentos Brasil afora. Levantamento da 1M2, plataforma de venda de lotes do País, aponta que a quantidade de interessados neste tipo de imóvel aumentou quase seis vezes entre fevereiro e março, primeiro mês de quarentena. Em setembro, chegou a um número 27 vezes maior do que no começo do ano. A quantidade de visitas realizadas aos imóveis por meio da plataforma também aumentou quase dez vezes entre janeiro e setembro.

  • Foi preciso a interferência direta do governador Helder Barbalho, a partir de denúncias em vídeo, para que a Semas acionasse a Prefeitura de Belém contra os incêndios na região do Aurá, em Ananindeua.
  • Pelo visto, os técnicos da Secretaria não farejaram o mau cheiro e nem viram a fumaça que encobre Belém nos últimos quatro dias, sufocando e incomodando a população.
  • Em tempos de pandemia, essa poluição era só o que faltava para constatar o quanto é grave a situação ambiental no Estado.
  • A pouco mais de uma semana do Natal, quem circula pela BR-316, entrando ou saindo de Belém, imagina que não há fiscalização de jeito nenhum. É um engarrafamento só.
  • Aliás, Detran, Polícias Rodoviárias e agentes municipais de trânsito usam dois códigos em operações de fiscalização “por todo o Pará”: um para multar e outro para se omitir.
  • Tanto nas estradas como nos municípios do inferior, motocicletas sem placas e motociclistas e passageiros sem capacete é o que tem aos montes.
  • O policial e agente de trânsito são os únicos que não conseguem ver; ao contrário, viram a cara para o outro lado, tanto no interior quanto na Grande Belém.
  • A Justiça Federal estabeleceu prazo até 23 agora para que a Seap comprove ter cumprido decisão liminar que proibiu a inspeção de documentos de advogados no Centro de Recuperação de Santa Izabel, Região Metropolitana de Belém.
  • Os mesmos gestores públicos que bradavam obedecer rigorosamente às orientações da OMS no combate à pandemia tentam atropelar a Anvisa para adquirir vacina já.
  • Bem ou mal, a instituição é autônoma e detém os meios técnicos e a responsabilidade de garantir a qualidade do produto que será injetado no corpo de todos os brasileiros.
  •  Virou hábito: quando nocauteia seus adversários, como é frequente, o marajoara Deiveson Figueiredo envia um recado com endereço certo, do octógono da UFC: Guto Gouvea, prefeito de Soure.
  • Nessa batida, o “Deus da Guerra” levanta a bola do amigo e do município em nível internacional. Detalhe: Deiveson e Guto também são parentes próximos.
  • O que se diz é que, não demora muito, a repressão contra a corrupção vai chegar aos prefeitos reeleitos ou sem mandato que desviaram recursos da Covid-19. Salve-se quem puder.
  • Veja como são as coisas: o Ministério da Função Pública da França multou a prefeitura de Paris em 90 mil euros por infringiu as regras de paridade de gênero em seu quadro de funcionários de 2018, quer dizer, por contratar mais mulheres do que homens.
  • No esforço para alcançar a paridade, a prefeitura contabilizou, em 2018, a contratação de onze mulheres e cinco homens, ou 69% dos cargos de chefia.
  • O Parque do Utinga estará fechado ao público amanhã para serviços de manutenção da rede elétrica.  A programação de Natal prevista para este dia foi transferida para a próxima quarta-feira.
  • A Engie Brasil Energia, responsável pelo Projeto Novo Estado, iniciou ações para evitar acidentes de trabalho no período chuvoso. Tanto no trecho do Pará quanto no Tocantins foram intensificados treinamentos de primeiros socorros.
  • De acordo com a engenheira de Segurança do Trabalho Annie Silveira, o saldo de prevenção de acidentes neste período está sendo bem positivo.
  • Com 930 veículos e equipamentos transitando nos 1,8 mil quilômetros do projeto, foi registrada apenas uma ocorrência relacionada ao período chuvoso, no último dia 1.

Deixe o seu comentário