Conselheiro Nelson Chaves se despede do TCE depois de 26 anos: “Combati o bom combate. Recolho minhas armas, mas guardei a minha fé”/ Foto Ascom-TCE
Emoção e muitas palavras de agradecimento marcaram a sessão especial em homenagem ao conselheiro Nelson Chaves, ontem, no Tribunal de Contas do Estado. Com mais de 26 anos de carreira no Tribunal, Nelson Chaves encerrará sua trajetória após inúmeras realizações que fazem parte da história do TCE e de seu desenvolvimento institucional.

O sentimento que norteou a sessão foi de muita gratidão pelo trabalho realizado em favor do controle externo paraense, que inclui a criação do Projeto TCE Cidadão, a promoção do Fórum TCE e Jurisdicionados e do Conversando com o Controle Interno, além de muitas outras iniciativas que fomentaram a cultura local, como a inauguração do Espaço Cultural Conselheiro Clóvis Moraes Rego e da Exposição Canoas de Promesseiros, e a formação do Coral Conselheira Eva Andersen Pinheiro, tudo no âmbito da corte. 

Representando todos os conselheiros-substitutos, Daniel Mello considera o homenageado “um homem à frente de seu tempo, não sendo fácil defini-lo em um momento tão especial”. O procurador-geral de Contas do Estado, Guilherme Sperry, destacou o apoio do conselheiro à ideia de um MP de Contas forte e autônomo. O conselheiro-ouvidor, Odilon Teixeira, destacou a vanguarda com a qual Nelson Chaves sempre atuou ao longo de sua trajetória e que “certamente contribuiu para a construção dessa instituição que é o TCE”.

Todos os demais conselheiros se manifestaram na sessão, destacando a trajetória de Nelson Chaves e sua contribuição ao Estado. Para Luís Cunha, Nelson Chaves encerra mais um ciclo de sua vida com muito brilho. “Foi protagonista no exercício do controle externo”, disse. Cipriano Sabino, por sua vez, afirmou se sentir muito honrado por poder se manifestar em um momento tão importante e desejou muito sucesso na nova etapa da vida do conselheiro Nelson Chaves. O conselheiro-corregedor, Fernando Ribeiro, falou do privilégio da convivência com o homenageado.

Um dos momentos mais emocionantes da sessão especial ficou reservado para a manifestação da presidente Lourdes Lima. “Ele nos deixa uma trajetória recheada de competência, de sucesso e de muito comprometimento profissional. Reúne um grande legado deixado em todos os lugares por onde passou. Seus projetos fizeram e fazem sucesso nessa casa”, declarou a presidente.

Em seu pronunciamento, Nelson Chaves agradeceu à Assembleia Legislativa do Estado do Pará pela indicação de seu nome, feita há 26 anos, para o cargo de conselheiro e a todos que fizeram parte de sua carreira no TCE, em especial aos servidores, pelo apoio que deram às suas ações. E aos que esperavam mais dele como pessoa pública, deseja que saibam e que reconheçam o esforço em ter tentado fazer o melhor.

 “Combati o bom combate. Recolho minhas armas, mas guardei a minha fé. Quando olho o trabalho de todos os senhores e senhoras, sei que haveremos de festejar a construção de uma pátria fraterna, feliz e solidária desse Brasil que todos amamos”.

Deixe o seu comentário